Cinco perguntas para... Eduardo Barreto | Blog MRV Engenharia

Encontre seu imóvel

Cinco perguntas para... Eduardo Barreto

02 julho 2008

2 comentários
Uma empresa forte, cada vez mais dinâmica e com aumento considerável de sua área de atuação. É assim que a MRV Engenharia pode ser definida no mercado imobiliário nacional. Atualmente, possui negócios em 59 cidades, de 11 Estados,além do Distrito Federal, e ganhou a capacidade de construir em maior escala o mesmo produto voltado para a classe média e média baixa.

O ano de 2007 foi especial. Em janeiro, a MVR vendeu 16,7% de seu capital para o fundo de investimento britânico Autonomy Capital Research LLP. Em julho, passou a integrar o Novo Mercado, mais elevado nível de governança corporativa da Bovespa, ofertando 41,2 milhões de ações ordinárias, equivalentes a R$ 1,19 bilhão e passando a ser uma empresa com ações cotadas na bolsa.

"A empresa está se preparando para alcançar os objetivos do seu projeto MRV 40 mil, umdesafio de crescimento acelerado quando, num futuro próximo, vai construir 40 mil unidades residenciais populares por ano", confirma Eduardo Barretto, vice-presidente comercial da MRV. Fundada em 1º de outubro de 1979, é considerada hoje uma das mais importantes construtoras do país no segmento de imóveis populares.

Foi a primeira do Brasil a se transformar em uma correspondente imobiliária da Caixa Econômica Federal e uma das empresas demaior histórico no acesso de programas de financiamento do banco. Em 1986, criou sua própria linha de financiamento, denominada Sistema Fácil de Habitação (SFH), responsável pormais de 70% dos financiamentos da construtora.

Hoje, a empresa possui convênios com diversos bancos. Sãomuitas facilidades de pagamento, mesmo para aqueles que precisam conciliar prestação do imóvel com pagamento do aluguel. Durante a obra, o cliente paga apenas 20% do valor do imóvel e os outros 80% são financiados com um dos bancos conveniados somente depois da conclusão do empreendimento.

O mercado imobiliário do país está passando por um momento único.
A que o senhor atribui essa melhora?


Depois de décadas de estagnação, a economia brasileira está crescendo e toda a cadeia produtiva se movimentando. O mercado imobiliário do país também encontra-se em posição privilegiada em relação ao mercado mundial. Em Minas Gerais e em Belo Horizonte, a situação não é diferente. Isso em razão de vários fatores. A economia estável, inflação controlada e taxas nominais de juros em queda possibilitam o planejamento e desenvolvimento de projetos sem os sustos inflacionários. Além disso, os bancos brasileiros estão com muito dinheiro disponível para financiamentos imobiliários.

Mudanças na legislação imobiliária também vêm garantindo maior segurança aos investimentos no mercado. Segundo a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o preço dos imóveis no país está sobrevalorizado em 30%. Entretanto, o país ainda conta com um déficit habitacional de 8 milhões de moradias. Para efeito de comparação, a Espanha conta com 23 milhões de residências, uma para cada dois habitantes.

Qual o histórico da MRV no mercado?

A MRV possui 28 anos dedicados à construção e incorporação de unidades residenciais populares. Temos profissionais, tecnologia e experiência de sucesso em imóveis com elevado custo/benefício. O modelo integrado de gestão com grande capacidade para prospecção e aquisição de terrenos, produção industrializada, padronização dos imóveis e ciclo operacionalmais curto, torna a construtora a maior e mais experiente empresa nesse ramo.

O sucesso da empresa é reflexo da união de três conceitos: localização dos imóveis, preço e forma de financiamento. As casas e apartamentos da construtora atendem às expectativas populares, em três linhas de produtos: Parque (apartamentos), Spazio (apartamentos) e Village (casas).

Todos eles têm como características comuns a presença marcante de áreas verdes com paisagismo, fachadas diferenciadas, condomínios fechados com guarita de segurança, além de possuir otimização econômico-financeira da área do condomínio.

Os empreendimentos têm preços que variam de R$ 59 mil a R$ 220 mil, nas versões de dois, três e quatro quartos, que podemser financiados através da Caixa Econômica Federal, bancos particulares parceiros ou com a própria construtora. Aplicamos a estrutura modular de construção que permite que a companhia consiga reduzir o ciclo de incorporação e possa entregar seus imóveis em curto prazo.

Qual o público-alvo da MRV?

A MRV Engenharia tem uma visão bastante positiva do mercado imobiliário residencial brasileiro, particularmente do seu principal setor de atuação, ou seja, famílias cuja terrenda mensal está entre R$ 1.200 a R$ 7.300. Esse segmento foi o quemais se beneficiou do aumento da disponibilidade de crédito para o setor imobiliário.

Quais são as novidades para 2008?

A MRV acaba de lançar a loja virtual, onde corretores especializados ficam disponíveis para os cliente 24 horas on-line. Lá, os internautas podem obter informações detalhadas sobre um imóvel, conhecê- lo através de imagens e ter acesso ao cronograma das obras, planta baixa, mapa de localização e fachada. Tudo isso só digitando o www.mrv.com.br. O site permite a busca do imóvel, através de critérios como cidade, bairro e número de quartos.

Neste sistema, o cliente pode optar por uma pesquisa geral, onde encontra todos os residenciais da MRV no Brasil. Se preferir uma pesquisa mais específica, pode ir direto, por exemplo, ao bairro de sua preferência. Hoje, a loja virtual da MRV já responsável por 20% das vendas.

Quais são os principais projetos para este ano?

Continuar a expansão geográfica para levar os produtos da construtora a novosmercados. A empresa adquiriu terrenos nas cidades de Rio das Ostras e Belford Roxo, no Rio de Janeiro, Lauro de Freitas, na Bahia, São José dos Pinhais, no Paraná, e em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. O setor de projetos já estuda estes novos mercados.

ALESSANDRA MIZHER - Jornal Pampulha  - jun/08

Comentários

Jorge Oliveira Silva Júnior
Jorge Oliveira Silva Júnior disse: 03 novembro 2016
Olá bom dia gostaria de saber se pra financiamento de um apartamento da Mrv posso junta minha renda com minha noiva sendo q a mesma está estagiando obrigado

Deixe seu comentário *Campos de preenchimento obrigatório